A primeira vez em NY

Viajar é bom e todo mundo sabe! Acontece que um casal de baianos muito especial estava comemorando 10 anos de casados com o objetivo de celebrar em uma viagem. Com a oscilação do dólar o destino escolhido foi Buenos Aires, Argentina.

Até que uma promoção imperdível de passagens aéreas (2 passageiros, ida e volta R$1040,00) mudou o destino para New York. Foi muito bom fazer parte desse momento especial mais que isso, foi muito divertido! 

Felipe mandou uma mensagem falando "Manu, fiz uma loucura, comprei uma passagem baratíssima para NY e estamos indo. É uma data especial, Ge e eu vamos comemorar nosso aniversário de casamento ai. Vamos dar um jeito nesse dólar!" E foi realmente o que aconteceu.

Ajudei que encontrassem uma boa hospedagem pelo Airbnb em um local que tivesse acesso ao metro. Apesar de estarem realizando um sonho, com o dólar alto o foco da viagem era conhecer a cidade e tentar economizar. O foco não foi em compras. Mas eles adquiriram algumas coisitas imperdíveis e até foram à um jogo de basquete! Planejando tudo acontece.

Depois que eles me passaram o que queriam fazer e conhecer na cidade foi a vez de auxiliar para que cada dia tivesse o máximo de aproveitamento, levando em consideração que estava outono, anoitecendo cedo e bem frio.

 

Dia 1

A chegada foi pelo aeroporto internacional JFK, e pegaram o trem até a hospedagem. Compraram o cartão de metrô válido por 7 dias (US$ 31,00 - compraram um para cada, total US$ 62,00). A viagem durou aproximadamente 1h 30min até o Brooklyn onde se hospedaram, tomaram um banho e fomos andar! De metrô, fomos do Brooklyn à Manhattan, até a estação Bowling Green, onde puderam ver o Búfalo e tirar a tradicional foto com a mão no saco (!), na superstição de atrair dinheiro. Estava bem vazio e foi fácil fotografar =)

Depois andamos até a Wall Street, até chegar no Memorial 11 de setembro. Mais uma vez pegamos o metro e fomos até a the High Line e vimos um casal celebrando e fotografando um casamento! Como era pertinho,  fomos para o Chelsea Markt comer um Hamburger delicioso no novo restaurante Cream Line. Vale a pena provar com o refrigerante de frutas vermelhas. Para fechar esse grande dia, fomos para a Times Square! Luzes, brilhos, algumas lojas e ai bateu o cansaço nos nossos viajantes e fomos para casa.

 

Dia 2
Amanheceu nublado... mas nada de ficar triste! Foi só trocar um pouco a programação.
O casal foi direto conhecer a Grand Central Station, depois andaram pela 5 Av., foram ao Rockfeller Center (mas não subiram pelo mal tempo), conheceram as lojas com a decoração linda de natal, a Catedral Sant Patrick, até chegar ao Central Park! Também encontraram a palavra LOVE (que fica na 7th avenida com a 72 Street). E terminaram o dia novamente na Times Square =)

 

Dia 3
Dia lindo, limpo e de sol, então a primeira parada: Top of Rock!
Depois andaram pela 5th e 6th Avenida... visitaram as lojas M&M, Nike e Apple store. O destino seguinte foi Atlantic Terminal Mall onde possui várias lojas, como Target, Best Buy, Marshalls, Burlington.

 

Dia 4
Mais um dia de sol, um pouco frio, mas sol. Dia ideal para conhecer a Estátua da Liberdade! Fomos até o Battery Park comprar os tíquetes (US$ 18,00 cada), que dá direito a conhecer a ilha onde a estátua está. Não fizemos a reserva para subir na estátua, ficamos apenas na ilha, e fizemos o tour guiado gratuito com o audio. Depois seguimos para a Ilha Ellis, ponto de chegada dos imigrantes. Foi um passeio muito especial. Ter a oportunidade de ver a Sky Line (arranha céu) com os prédios de Manhattan. Também foi o meu primeiro momento lá e com certeza um dia de aprendizado e emoção.
Seguimos depois para ver o por do sol em um restaurante na região Portuária, de frente para o Brooklyn e para a ponte do Brooklyn. E terminamos a nossa noite na Century 21, com algumas comprinhasUma dica: há muitos vendedores ambulantes nessa região tentando vender diferentes tipos de tour. Saia de casa já com o tipo de passeio que você quer fazer. Alguns vendedores quase impediram a nossa entrada no parque (!!) alegando que só poderíamos entrar com os ingressos comprados. Eles usam coletes e crachá mas caso tenha alguma dúvida, você pode pedir ajuda à um policial.

Dia 5
O dia começou com visita ao Museu de História Natural. I valor do ingresso na verdade é uma sugestão de doação no valor de US$ 22,00, mas você pode pagar o quanto quiser, como por exemplo US$ 1,00. Saindo do museu foram para o Central Park, para as tradicionais fotos nas pontes, lagos e no memorial Imagine, o prédio do John Lenon.
De noite foram ver o jogo de Basquete no Barcley Center, no Brooklyn. Está aberta a temporada de esportes e há ingressos para todos os bolsos, variando de 25 a 300 dólares!

Dia 6
Último dia de viagem e conheceram a Ponte do Brooklyn e fizeram algumas compras nas lojas de departamento e lembrancinha para a família e amigos. Foram para o aeroporto de metrô novamente sem stress!